Semana em 1 Minuto Fechar

E agora Brasil? – Entrevista exclusiva com Celson Plácido

7 de novembro de 2017 Layon Dalcanali, CFP®Layon Dalcanali, CFP®

Tivemos uma rodada de eventos com o estrategista-chefe da XP Investimentos, Celson Plácido, que abordou diversos temas referente a economia brasileira e suas perspectivas.

 

Palestra Celson Plácido – Economia e Investimentos.

Publicado por PATRIMONO em Terça-feira, 24 de outubro de 2017

Entre os principais pontos levantados, Celson falou sobre a reforma da previdência, uma das reformas mais importantes para a sustentabilidade da dívida pública X PIB.

Caso não aconteça, podemos chegar, no curto prazo, a um grande rombo das contas públicas.

Apesar de dependermos muito dessas reformas, o índice CDS vem mostrando melhora significativa, chegando em novas mínimas.

Esse indicador é muito importante, principalmente para o investidor estrangeiro; ele determina o custo para proteção de uma carteira de crédito no País.

Sempre que ocorre uma redução no índice CDS, entende-se que a percepção de risco de um não pagamento da dívida diminuiu.

Geralmente, a variação cambial acompanha fielmente esse movimento, como conseguimos ver no gráfico abaixo:

Com a SELIC indo para 7%, a renda fixa continua interessante?

Estamos chegando a menor taxa de juros desde 2013. Porém, isso não quer dizer necessariamente que o investidor está ganhando menos.

Ao investir, observamos muito qual será o ganho nominal dos investimentos, no entanto, mais importante que isso é descobrir como está sendo seu ganho real, o ganho acima da inflação, ou seja, quanto realmente seu patrimonial está crescendo.

Veja que, em 2015, apesar de a taxa de juros estar em 14,25%, tivemos uma inflação de 10,67%, gerando assim um ganho real de 3,58%. Hoje, com a SELIC a 7,5%, temos uma inflação de 2,54% e um ganho real de 4,96%.

Veja esse e muitos outros pontos importantes em uma entrevista exclusiva que preparamos para você:

Veja Também