Você sempre pode investir melhor

Semana em 1 minuto #7: Afastamento de Vice-Presidentes da Caixa, Candidatura de José Serra, Pressão do BC aos bancos e mais

19 de janeiro de 2018 |

Se preferir, você pode ouvir nosso resumo em:

Em uma semana que o mercado pouco sentiu o efeito do rebaixamento da nota de crédito do Brasil pela S&P, o Ibovespa superou mais uma máxima história. Confira abaixo esse e outros destaques da semana:

Temer afasta quatro vice-presidentes da Caixa

O presidente Michel Temer decidiu afastar por 15 dias quatro vice-presidentes da Caixa, após recomendação do Banco Central e do MPF (Ministério Público Federal) por suspeitas de corrupção e outras irregularidades envolvendo executivos da instituição, segundo a Folha de São Paulo.

Serra afirma que não será candidato na eleição deste ano 

O senador José Serra (PSDB-SP) afirmou que não será candidato a governador de São Paulo ou a presidente da República nas eleições deste ano. Ele declarou que irá se dedicar a seus projetos em andamento no Legislativo, como o que trata da instituição do sistema distrital misto no país.

O mandato de Serra no Senado vai até 2022. Segundo o Estado, a saída do senador empolgou o prefeito João Doria a entrar de cabeça na briga pelo Palácio dos Bandeirantes, mesmo contra o aliado Márcio França (PSB).

BC pressiona bancos por corte de juros do cheque

Em entrevista ao Broadcast, o presidente do BC, Ilan Goldfajn, revelou a iniciativa de pressionar os bancos para o compromisso de adotar novas regras para o cheque especial com objetivo de https://www.cialissansordonnancefr24.com/cialis-5-mg/ reduzir o juro aos clientes. A perspectiva é que seja adotado um limite de tempo no uso da operação para reduzir o risco de calote.

Governo capta US$ 1,5 bi no exterior

Segundo o governo brasileiro, o rebaixamento da nota de crédito do Brasil teve influência praticamente nula na emissão externa feita ontem, que reabriu o bônus denominado Global 2047, com prazo de 30 anos.

Além de a emissão ter sido mais barata do que na data original de lançamento do papel, a demanda ficou em torno de quatro vezes maior que o volume emitido (US$ 1,5 bilhão), segundo informações do Tesouro Nacional. A avaliação é de que as taxas cobradas na operação foram bastante favoráveis ao País.

Ibovespa atinge marca de 80 mil pontos

Tivemos uma semana muito positiva para os mercados de ações em todo o mundo. Mesmo após o rebaixamento da nota de crédito do Brasil pela S&P, o Ibovespa conseguiu romper a linha dos 80 mil pontos e renovar, assim, sua marca histórica.

Os ganhos estão bastante espalhados entre diversos setores, desde os que se beneficiam da valorização de commodities, quanto os ligados à economia doméstica, destaca matéria da Valor.

IBC-Br supera expectativas

Segundo o BC, em novembro o IBC-Br avançou 0,49% ante outubro, acima das expectativas de 0,40%. Na comparação anual o indicador subiu 2,82%, também acima dos 2,6% projetados. O indicador de outubro foi revisado de 0,29% para 0,37%.

Mesmo que condenado, Lula não deve ser preso na próxima quarta-feira

Especialistas apontam que, mesmo se condenado por unanimidade, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não deve ser preso na próxima quarta-feira, dia 24.

A defesa de Lula deve expedir um novo recurso caso a sentença seja desfavorável a ele, o que também não o tornaria – ainda – inelegível à candidatura da presidência. Isso se deve ao fato de que, caso a condenação não seja por unanimidade, e sim pela maioria, cabe recurso de embargos infringentes, tentando fazer valer o voto mais favorável a ele.

Caso seja por unanimidade, cabe recurso de embargos de declaração, usados para pedir esclarecimento de uma decisão judicial, qualquer que seja o resultado do julgamento.

Ótimo final de semana e até a próxima sexta!


Veja Também